Na verdade,

Ficamos apegados ao amor tanto quanto à pessoa que o gerou. 


Muitas pessoas reclamam por não conseguir se desprender de alguém. É que, sem se darem conta, não querem se desprender. Aquele amor, mesmo não retribuído, tornou-se um souvenir, lembrança de uma época bonita que foi vivida… Passou a ser um bem de valor inestimável, é uma sensação à qual a gente se apega. Faz parte de nós. Queremos, logicamente, voltar a ser alegres e disponíveis, mas para isso é preciso abrir mão de algo que nos foi caro por muito tempo, que de certa maneira entranhou-se na gente, e que só com muito esforço é possível se libertar.Despedir-se de um amor é despedir-se de si mesmo. É o arremate de uma história que terminou, externamente, sem nossa concordância, mas que precisa também sair de dentro da gente… E só então a gente poderá amar, de novo.



6 comentários:

  1. Awn, que lindo *-* isso é fato D:

    ResponderExcluir
  2. sem ele não sobreviveríamos, o amor virou, sem percebermos, uma nova fonte de vida, sim , sem ele não conseguiríamos ser felizes , ele não é só um sovenir mais sim uma parte de nossa existência...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
01 02 13 14